???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/705
Tipo do documento: Dissertação
Título: Caracterização físico-química e hidrólise enzimática da casca da Myrciaria jabuticaba (Vell) Berg (jabuticaba Sabará)
Autor: Paula, Lorena Furriel de 
Primeiro orientador: Monteiro, Valdirene Neves
Primeiro membro da banca: Monteiro, Valdirene Neves
Segundo membro da banca: Costa, Maísa Borges
Terceiro membro da banca: Araújo, Cleide Sandra Tavares de
Resumo: Com o crescente interesse da utilização de recursos naturais renováveis para a produção de biocombustíveis, os materiais lignocelulósicos tem se tornado um grande alvo de pesquisadores. A utilização de resíduos agroindustriais como fonte de materiais lignocelulósicos é uma alternativa viável para o aproveitamento desses materiais de baixo custo e grande disponibilidade. No presente trabalho foram determinadas as características físico-químicas da casca de jabuticaba, o material apresentou uma composição de 20,63% de celulose, 13,69% de hemicelulose, 24,33% de lignina e 41,34% de holocelulose. A quantidade de proteínas, lipídeos, açúcares totais, umidade e cinzas foram respectivamente em g/100g de casca: 9,82, 1,97, 66,85, 79,61 e 0,593. Foi realizada a hidrólise enzimática com uma combinação das enzimas celulases e β-glicosidases 20U/10U na casca de jabuticaba tratada e não tratada com ácido sulfúrico 1% (m/v) e avaliada a hidrólise enzimática em diferentes tempos reacionais (24, 48, 72, 96 e 120 horas). Verificou-se que o tempo de 72 h foi o que apresentou melhores resultados na expressão de açúcares.
Abstract: With the growing interest in the use of renewable natural resources for the production of biofuels, lignocellulosic materials has become a major target for researchers. The use of agro-industrial waste as a source of lignocellulosic materials is a viable alternative to the use of these low-cost and widely available materials. In this work were determined the physicochemical characteristics of jabuticaba shell, the material had a composition of 20.63% cellulose, 13.69% hemicellulose, lignin 24.33% and 41.34% of holocelulose. The amount of proteins, lipids, total sugars, moisture and ash were respectively in g / 100g bark: 9.82, 1.97, 66.85, 79.61 and 0.593. enzymatic hydrolysis with a combination of cellulase enzymes and β-glucosidase 20U / 10U in jabuticaba peel treated and not treated with sulfuric acid 1% was obtained (w / v) and evaluated enzymatic hydrolysis at different reaction times (24, 48, 72, 96 and 120 hours). It was found that the time 72 h showed the best results in expression sugars.
Palavras-chave: Materiais lignocelulósicos
Hidrólise enzimática
Prétratamento
Lignocellulosic materials
Enzymatic hydrolysis
Pretreatment
Área(s) do CNPq: CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
QUIMICA::QUIMICA ORGANICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado Ciências Moleculares
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Ciências Moleculares
Citação: Paula, Lorena Furriel de. Caracterização físico-química e hidrólise enzimática da casca da Myrciaria jabuticaba (Vell) Berg (jabuticaba Sabará). 2016. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Moleculares) - Câmpus Central - Sede: Anápolis – CET, Universidade Estadual de Goiás, Anápolis-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/705
Data de defesa: 7-Oct-2016
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Moleculares

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Lorena_Furriel_de_Paula.pdfDissertação_Mestrado_em_Ciências_Moleculares4,03 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.