???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/556
Tipo do documento: Dissertação
Título: Cartografia tátil : uma proposta para a inclusão de deficientes visuais no ensino superior
Autor: Aquino, Warly Arthur Borges 
Primeiro orientador: Macêdo, Marta de Paiva
Primeiro membro da banca: Pires, Débora de Jeus
Segundo membro da banca: Oliveira, Aristeu Geovani de
Terceiro membro da banca: Olanda, Elson Rodrigues
Resumo: A presente dissertação foi desenvolvida com o intuto de realizar uma discussão sobre os processos inclusivos das pessoas com deficiência, como também em relação aos beneficios que materiais didáticos adaptados possuem para a potencialização do desenvolvimento educacional. A investigação possui como referência o deficiente visual e a heterogeniedade que compõe este grupo, tratando assim, sobre as contribuições da utilização de mapas táteis, para a construção de um conhecimento no que se refere a espacialidade e a localização dessas pessoas na instituição de ensino que frequentam. Deste modo, tem-se como base a etapa formativa do Ensino Superior, pois números disponibilizados pelo INEP (2011-2017), apresentam um crescimento considerável no ingresso de alunos DV’s em cursos de graduação. Sendo assim, o principal objetivo que norteou esta pesquisa foi analisar como uma proposta de Cartografia Tátil pode contribuir para a formação do deficiente visual no Ensino Superior. Neste contexto realizou-se a construção de: a) mapas táteis de localização e mobilidade; b) materiais adaptados para uma alfabetização cartográfica tátil; c) padronização de signos cartográficos táteis; d) proposta de mapas educacionais que atendam as demandas dos sujeitos participantes da pesquisa em relação as suas necessidades específícas, bem como mapas que tratem sobre temáticas ambientais. Outrossim, realizou-se uma entrevistas com o DV´s, para identificar suas reais necessidades e percepções sobre a inclusão na instituição de ensino superior, e para a verificação sobre a possível eficiência informativa dos mapas confeccionados artesanalmente. Conclui-se que com a aprovação dos DV’s participantes do estudo, em relação aos documentos cartográficos produzidos de forma artesanal para atendender a necessidade de espacialização e locomoção do grupo, a criação de materiais que possam contribuir para o desenvolvimento real das pessoas com deficiência se despontam como essencial para se pensar e fazer inclusão.
Abstract: This dissertation was developed with the purpose of discussing the inclusive processes of people with disabilities, as well as the benefits that adapted teaching materials have for the enhancement of educational development. The research has as reference the visual deficiency and the heterogeneity that make up this group, thus dealing with the contributions of the use of tactile maps, for the construction of a knowledge regarding the spatiality and the location of these people in the educational institution attend. Thus, it is based on the formative stage of Higher Education, as numbers provided by INEP (2011-2017) show a considerable growth in the entry of DV's students in undergraduate courses. Thus, the main objective that guided this research was to analyze how a proposal of Tactile Cartography can contribute to the formation of the visually impaired in Higher Education. In this context, the construction of: a) tactile maps of location and mobility; b) materials adapted for tactile cartographic literacy; c) standardization of tactile cartographic signs; d) proposal of educational maps that meet the demands of the research subjects regarding their specific needs, as well as maps that deal with environmental themes. In addition, interviews were conducted with the DV's to identify their real needs and perceptions about inclusion in the higher education institution, and to verify the possible informational efficiency of handmade maps. It is concluded that with the approval of the study participants, in relation to cartographic documents produced by hand to meet the need for spatialization and locomotion of the group, the creation of materials that can contribute to the real development of people with disabilities emerges as essential for thinking and inclusion.
Palavras-chave: Mapas táteis
Mobilidade
Alfabetização cartográfica tátil
Tactile Maps
Mobility
Tactile cartographic literacy
Área(s) do CNPq: TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAO::EDUCACAO ESPECIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado em Ambiente e Sociedade
Programa: Programa de Pós Graduação Stricto Sensu em Ambiente e Sociedade
Citação: AQUINO, W. A. B. Cartografia tátil : uma proposta para a inclusão de deficientes visuais no ensino superior. 2019. 99 f. Dissertação (Mestrado em Ambiente e Sociedade) - Câmpus Sudeste - Sede: Morrinhos, Universidade Estadual de Goiás, Morrinhos-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/556
Data de defesa: 15-Feb-2019
Appears in Collections:Mestrado em Ambiente e Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Warly_Deposito_Dissertacaofinal_Warly.pdfDissertação_Mestrado em Ambiente e Sociedade2,43 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.