???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/83
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação físico-química e microbiológica de águas residuárias da UEG-Câmpus Anápolis submetidas a diferentes sistemas de tratamento
Autor: Costa, Verônica Almeida
Primeiro orientador: Naves, Plínio Lázaro Faleiro
Primeiro coorientador: Oliveira, Marilene Silva
Primeiro membro da banca: Costa, Marilene Silva
Segundo membro da banca: Santos, Lucas da Costa
Terceiro membro da banca: Barcelos, Hernane de Toledo
Resumo: A utilização de sistemas naturais tais como filtros biológicos e wetlands construídos no tratamento de águas residuárias tem se tornado cada vez mais importante devido a capacidade desses sistemas de promoverem a degradação da matéria orgânica, além de remover grandes quantidades de nutrientes, elementos traços e micro-organismos. Diante disto, o objetivo desse estudo foi caracterizar as águas residuárias provenientes de tanque séptico da UEG- Câmpus Anápolis por meio de atributos físico-químicos e microbiológico de qualidade de água, no intuito de avaliar a eficiência de dois sistemas de tratamentos: seis filtros biológicos cada qual contendo um diferente substrato, sendo eles: Bambusa gracilis, Bambusa multiplex, argila expandida, brita 0 e brita 2 e wetland construído horizontal de fluxo subsuperficial. Nos sistemas de filtros o substrato que apresentou maior eficiência na remoção de matéria orgânica foi o Bambusa multiplex com 84,40% e o de menor eficiência foi o substrato argila expandida com 48,0%. No sistema de wetland construído os resultados de eficiência percentual encontrados para remoção de nutrientes variaram de 57,90 a 94,70%, elementos traços de 50,0 a 100,0% e matéria orgânica de 87,0 a 91,0%. De um modo geral, constatou-se que o tempo de detenção do sistema de filtros biológicos foi insuficiente para tirar conclusões precisas quanto a eficiência dos atributos analisados no sistema. Conclui-se também que o sistema de wetland construído pode ser utilizado em tratamento de águas residuárias provenientes de tanques sépticos tanto a nível secundário quanto terciário, devido a sua alta eficiência percentual na remoção de nutrientes, matéria orgânica e elementos traços. Na avaliação geral dos resultados obtidos os sistemas estudados demonstram ser uma opção de tratamento versátil, sustentável e econômica, podendo ser utilizado como um sistema complementar ao tratamento por tanque séptico utilizado na UEG- Câmpus Anápolis.
Abstract: The use of natural systems such as biological filters and wetlands built into wastewater treatment has become increasingly important because of the ability of these systems to promote organic matter degradation and to remove large amounts of nutrients, heavy metals and microorganisms. The objective of this study was to characterize the wastewater from the septic tank of UEG-Campus Anápolis through physico-chemical and microbiological parameters of water quality, in order to evaluate the efficiency of two treatment systems: six biological filters each which contain a different substrate, being: Bambusa gracilis, Bambusa multiplex, expanded clay, gravel 0 and gravel 2 and constructed horizontal wetland of subsurface flow. In the filter systems, the substrate that showed the greatest efficiency in the removal of organic matter was the Bambusa multiplex with 84.40% and the substrate was the expanded clay with 48.0%. In the constructed wetland system, the percent efficiency results found for nutrient removal ranged from 57.90 to 94.70%, heavy metals from 50.0 to 100.0% and organic matter from 87.0 to 91.0%. In general, it was found that the operating time of the biological filter system was insufficient to draw precise conclusions as to the efficiency of the parameters analyzed in the system. It is also concluded that the built wetland system can be used in the treatment of wastewater from septic tanks at both secondary and tertiary level due to its high percentage efficiency in the removal of nutrients, organic matter and heavy metals. In the general evaluation of the results obtained, the systems studied prove to be a versatile, sustainable and economical treatment option, being able to be used as a complementary system to the treatment by septic tank used in UEG-Campus Anápolis.
Palavras-chave: Águas residuárias
Tratamento de efluentes
Wetlands construídos
Filtros biológicos
Wastewater
Effluent treatment
Wetlands built
Biological filters
Área(s) do CNPq: CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado Ciências Moleculares
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Ciências Moleculares
Citação: COSTA, Verônica Almeida. Avaliação físico-química e microbiológica de águas residuárias da UEG-Câmpus Anápolis submetidas a diferentes sistemas de tratamento. 2018.100f.Dissertação (Mestrado em Ciências Moleculares) - Câmpus Anápolis de Ciências Exatas e Tecnológicas Henrique Santillo, Universidade Estadual de Goiás, Anápolis, 2018
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/83
Data de defesa: 27-Sep-2018
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Moleculares

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação Mestrado Final .pdf2,57 MBDissertação Mestrado Final .pdfDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.