???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/799
Tipo do documento: Dissertação
Título: O ensino de física : um olhar para a educação Maker
Título(s) alternativo(s): The teaching of physics : a look at maker education
Autor: Gonçalves, Diângelo Crisóstomo 
Primeiro orientador: Benite, Cláudio Roberto Machado
Primeiro membro da banca: Benite, Cláudio Roberto Machado
Segundo membro da banca: Soares, Marlon Herbert Flora Barbosa
Terceiro membro da banca: Carvalho, Plauto Simão de
Resumo: Resumo língua vernácula: Este estudo insere-se na linha de pesquisa Metodologias e Recursos Educacionais para o Ensino de Ciências, do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu - Nível Mestrado Profissional em Ensino de Ciências da Universidade Estadual de Goiás (UEG). Por fatores internos e externos, o ensino dos conteúdos escolares de Física tem se tornado um grande obstáculo para os alunos, que se sentem desmotivados em compreender os fenômenos da natureza abordados pelo professor apenas pelo método tradicional de ensino. O professor/pesquisador ciente da realidade vivida pelos alunos quanto ao processo de ensino aprendizagem, procurou rever sua prática pedagógica, sendo ele o condutor do processo de ensino aprendizagem. Os alunos em sua grande maioria atualmente, já nascem em um contexto de diversidade de linguagens e produtos tecnológicos, educacionais ou não. Tais questionamentos nos suscitam ao seguinte objetivo geral que é investigar quais as contribuições da inserção da cultura Maker no ensino de Física orientado pela Aprendizagem Baseadas em Projetos visando à participação ativa e autônoma dos alunos no processo de ensino aprendizagem. Esta pesquisa é de caráter qualitativo por meio de uma abordagem participante, que busca a reflexão do professor quanto a sua prática pedagógica relacionada ao ensino dos conteúdos de Física, a utilização das tecnologias presentes no ambiente escolar, de forma a contribuir para participações mais ativa dos alunos. A partir do método da Pesquisa Participante - PP, cujo intuito é que o professor venha a agregar as tecnologias e as metodologias ativas, como fator motivador para a construção de um processo de ensino aprendizagem que possa ser mais eficaz quanto à aprendizagem dos conteúdos de Física. O professor ao analisar sua prática pedagógica e os resultados alcançados pelos alunos propôs um plano de ação segundo as fases da PP propostas por Le Boterf (1980). A mediação proposta nesta pesquisa segue a corrente sócio-histórico-cultural, no qual, há valorização de todos os envolvidos no processo de ensino aprendizagem, ressaltando a importância do uso da tecnologia no ambiente escolar, fazendo um link entre, professor, aluno e o conhecimento. A utilização dos elementos da cultura Maker na educação busca tornar os alunos ativos no processo de ensino aprendizagem, através da estimulação e engajamento, tendo a escola um papel de pluralidade de métodos e intervenções que estimule os alunos a criarem, tornando-se ao lado do professor sujeitos de primeira ordem. Este estudo envolveu 504 (quinhentos e quatro) alunos, distribuídos em doze turmas, sendo 172 alunos da 1ª série e 332 alunos da 3ª série do Ensino Médio. Com o uso da metodologia Maker na educação, os alunos aprendem fazendo, colocando a mão na massa, apoiados pela Aprendizagem Baseadas em Projetos – ABP. Neste trabalho de pesquisa buscamos desenvolver uma prática pedagógica que venha a contribuir com modelo de educação tradicional e gerar conhecimento através do uso de práticas de ensino mais flexíveis. A pesquisa não pretende exaurir a questão da falta de estímulos dos alunos em aprender os conteúdos escolares de Física, pois, as questões são inúmeras, mas levantar elementos que venham a aclarar a problemática. Conclui-se que a proposta da educação Maker associada a tecnologias digitais e manuais, produz condições mobilizadoras quanto a sua aplicação em sala de aula, auxiliando na aprendizagem dos conteúdos escolares de Física. Com a aplicação do plano de ação houve uma melhora não só na participação dos alunos durante as aulas como nas notas. Importante salientar que em relação à participação ativa dos alunos, ainda resta um longo caminho para percorrem em busca do protagonismo do aluno.
Abstract: This study is part of the research line Methodologies and Educational Resources for Science Teaching, of the Stricto Sensu Graduate Program - Professional Master's Level in Science Teaching of the State University of Goiás (UEG). Due to internal and external factors, the teaching of Physics content has become a major obstacle for students, who feel unmotivated to understand the phenomena of nature addressed by the teacher only through the traditional method of teaching. The teacher/researcher, aware of the reality experienced by the students regarding the teaching learning process, sought to review his pedagogical practice, being the teacher the conductor of the teaching learning process. Most students today are born into a context of diversity of languages and technological products, educational or not. Such questions lead us to the following general objective, which is to investigate the contributions of the insertion of the Maker culture in Physics teaching guided by Project-Based Learning aiming at the active and autonomous participation of students in the teaching learning process. This is a qualitative research through a participant approach, which seeks the teacher's reflection about his pedagogical practice related to the teaching of Physics content, the use of technologies present in the school environment, in order to contribute to a more active participation of students. From the Participant Research - PP method, whose intention is that the teacher will add the technologies and the active methodologies, as a motivating factor for the construction of a teaching learning process that can be more effective regarding the learning of Physics contents. The teacher analyzing his pedagogical practice and the results achieved by the students proposed an action plan according to the phases of PP proposed by Le Boterf (1980). The mediation proposed in this research follows the socio-historical-cultural current, in which there is appreciation of all those involved in the teaching-learning process, emphasizing the importance of the use of technology in the school environment, making a link between teacher, student, and knowledge. The use of the elements of the Maker culture in education seeks to make students active in the teaching learning process, through stimulation and engagement, with the school having a role of plurality of methods and interventions that stimulate students to create, becoming next to the teacher subjects of first order. This study involved 504 (five hundred and four) students, distributed in twelve classes, 172 students in the 1st grade and 332 students in the 3rd grade of high school. With the use of the Maker methodology in education, students learn by doing, putting their hands in the dough, supported by Project Based Learning - PBA. In this research work we seek to develop a pedagogical practice that will contribute to the traditional education model and generate knowledge through the use of more flexible teaching practices. The research does not intend to exhaust the issue of the students' lack of incentive to learn Physics content, because the questions are numerous, but to raise elements that will clarify the problem. We conclude that the proposal of Maker education associated with digital and manual technologies, produces mobilizing conditions regarding its application in the classroom, helping in the learning of school Physics contents. With the application of the action plan there was an improvement not only in the students' participation during the classes, but also in their grades. It is important to point out that in relation to the active participation of the students, there is still a long way to go in the search for student protagonism.
Palavras-chave: Cultura make
Educação maker
Tecnologias
Trilha pedagógica
Protótipos
Maker Culture
Maker education
Technologies
Educational Trail
Prototyping
Área(s) do CNPq: EDUCACAO::ENSINO-APRENDIZAGEM
OUTROS::CIENCIAS
CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::FISICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu Mestrado Profissional em Ensino de Ciências (PPEC)
Citação: CRISÓSTOMO, Diângelo Gonçalves. O ensino de física : um olhar para a educação Maker. 2021. 245 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) - Câmpus Central - Sede: Anápolis - CET, Universidade Estadual de Goiás, Anápolis-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/799
Data de defesa: 22-Apr-2021
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Ensino de Ciências
Mestrado Profissional em Ensino de Ciências

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO - EDUCAÇÃO MAKER.pdfDissertação_Mestrado Profissional em Ensino de Ciências5,03 MBAdobe PDFDownload/Open Preview
PRODUTO EDUCACIONAL - PRÁTICA MAKER.pdfProduto Técnico Tecnológico (PTT)2,12 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.