???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/656
Tipo do documento: Dissertação
Título: Identidade e qualidade de ovos submetidos a diferentes condições de sanitização, temperatura e períodos de armazenamento
Autor: Pinto, Vilson Matias 
Primeiro orientador: Rocha, Fernanda Rodrigues Taveira
Primeiro coorientador: Coelho, Karyne Oliveira
Primeiro membro da banca: Rocha, Fernanda Rodrigues Taveira
Segundo membro da banca: Coelho, Karyne Oliveira
Terceiro membro da banca: Leite, Paulo Ricardo de Sá da Costa
Resumo: Objetivou-se avaliar o efeito da sanitização, temperatura e período de armazenamento sobre a qualidade física e microbiológica dos ovos de galinha produzidos no município de Itaberaí, Goiás, Brasil. Os ovos foram adquiridos de um criatório de poedeiras das linhagens Hisex White e Hisex Brown, com idade entre 65 a 70 semanas, que eram criadas em um único aviário de sistema manual e consumiam a mesma ração para fase de postura. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado com dois arranjos fatoriais, sendo: 2x5, que considerou dois locais de armazenamento e cinco tempos de estocagem, com vinte e quatro ovos por repetição; 2x2, que considerou duas linhagens de poedeiras e dois procedimentos (lavados e não lavados), com dez repetições. Foram analisadas as qualidades físicas e microbiológicas de um total de 720 ovos de poedeiras das linhagens Hisex White e Hisex Brown. Os dados foram submetidos à análise de variância, para as variáveis microbiológicas utilizou-se o teste “t” de Student e para as variáveis físicas foi utilizado o teste de Tukey a 5% de significância, com o auxílio do software estatístico SISVAR. Nos resultados pode-se observar que não houve influências entre os efeitos do tempo e temperatura sobre a peso do ovo e peso, espessura e resistência da casca. A coloração da gema reduziu significativamente até aos 28 dias de estocagem. As médias da altura do albúmen, Unidade Haugh, padrão de qualidade, pH da gema e do albúmen mostraram que os ovos das poedeiras da linhagem Hisex White e Hisex Brown, com idade entre 65 a 70 semanas, quando mantidos em ambiente refrigerado com temperatura de 5,24°C e umidade de 43,40%, por períodos de 1, 7, 14, 21 e 28 dias de estocagem, apresentaram melhor qualidade em comparação com os ovos mantidos sem refrigeração, com temperatura de 27,42°C e umidade de 64,31%. Observou-se também, que os ovos lavados apresentaram qualidade microbiana da superfície da casca superior aos não lavados, com isso, reduziram os riscos de contaminação do conteúdo do ovo com Mesófilos Aeróbios Facultativos Viáveis, Bolores e Leveduras, Staphylococcus aureus, Escherichia coli e Enterobacteriaceae. Portanto, considera-se que o procedimento de lavagem e armazenamento sob a condição de refrigeração é eficaz para preservar a qualidade dos ovos e eficaz para os pequenos e grandes produtores de ovos comerciais, garantindo assim, a saúde do consumidor.
Abstract: The objective was to evaluate the effect of sanitization, temperature and storage period on the physical and microbiological quality of chicken eggs produced in the municipality of Itaberaí, Goiás, Brazil. The eggs were purchased from a hatchery breeder of the lines Hisex White and Hisex Brown, aged between 65 and 70 weeks, which were raised in a single aviary using a manual system and consumed the same feed for laying. Completely randomized design was used with two factorial arrangements, being: 2x5, which considered two storage locations and five storage times, with twenty-four eggs per repetition; 2x2, which considered two lines of laying and two procedures (washed and not washed), with ten repetitions. The physical and microbiological qualities of a total of 720 laying eggs of the lines Hisex White and Hisex Brown were analyzed. The data were subjected to analysis of variance, for the microbiological variables the Student's “t” test was used and for the physical variables the Tukey test at 5% significance was used, with the aid of the SISVAR statistical software. In the results it can be seen that there were no influences between the effects of time and temperature on egg weight and weight, thickness and resistance of the shell. The yolk color was significantly reduced up to 28 days of storage. The average height of albumen, Haugh Unit, quality standard, pH of the yolk and albumen showed that the eggs of the laying hens of the line Hisex White and Hisex Brown, aged between 65 and 70 weeks, when kept in a refrigerated environment with temperature of 5.24°C and humidity of 43.40%, for periods of 1, 7, 14, 21 and 28 days of storage, showed better quality compared to eggs kept without refrigeration, with temperature of 27.42°C and humidity of 64.31%. It was also observed that the washed eggs had a higher microbial quality of the shell surface than the unwashed ones, thereby reducing the risk of contamination of the egg content with Viable Optional Aerobic Mesophiles, Molds and Yeasts, Staphylococcus aureus, Escherichia coli and Enterobacteriaceae. Therefore, it is considered that the washing and storage procedure under the condition of refrigeration is effective for preserving the quality of eggs and effective for small and large producers of commercial eggs, thus ensuring consumer health.
Palavras-chave: Albúmen
Avicultura
Casca
Gema
Microbiologia
Resistência
Albumin
Poultry
Shell
Yolk
Microbiology
Resistance
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado Profissional em Produção Animal e Forragicultura
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Desenvolvimento Rural Sustentável
Citação: PINTO, V. M. Identidade e qualidade de ovos submetidos a diferentes condições de sanitização, temperatura e períodos de armazenamento. 2020. 56 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Produção Animal e Forragicultura ) - Câmpus Oeste - Sede: São Luís de Montes Belos, Universidade Estadual de Goiás, São Luís de Montes Belos.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/656
Data de defesa: 20-Feb-2020
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Produção Animal e Forragicultura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vilson Matias Pinto.pdfDissertação_Mestrado Profissional em Produção Animal e Forragicultura2,71 MBAdobe PDFDownload/Open Preview
Termo Vilson Matias Pinto.pdfTermo de autorização537,88 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.