???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/484
Tipo do documento: Dissertação
Título: A micologia na formação de professores : uma análise das licenciaturas em ciências biológicas no Estado de Goiás
Título(s) alternativo(s): Mycology in teacher education : an analysis of undergraduate courses in Biological Sciences in the State of Goiás
Autor: Persjin, Alyne Lopes Gomes
Primeiro orientador: Santos, Solange Xavier dos
Primeiro membro da banca: Santos, Solange Xavier dos
Segundo membro da banca: Alves, Maria Helena
Terceiro membro da banca: Santos, Mirley Luciene dos
Resumo: Este trabalho surgiu em função da constatação, através de experiências pessoais atuando na Educação Básica, das dificuldades dos professores em ensinar e dos alunos em compreender os assuntos relacionados à Micologia, como também da minha angústia, partilhada por colegas da mesma área de formação, sobre a forma superficial com que os fungos foram abordados nas nossas graduações. Diante disso, a pesquisa trouxe o seguinte problema de investigação: Como o conteúdo de Micologia está sendo abordado nos Cursos de Licenciatura em Ciências Biológicas? A dissertação foi organizada em capítulos: no primeiro foram identificadas as Instituições de Ensino Superior que oferecem o Curso de Ciências Biológicas, modalidade licenciatura, no estado de Goiás, suas respectivas matrizes curriculares, ementas das disciplinas que abordam o conteúdo de Micologia e, ainda, o perfil dos professores que ministram essas disciplinas e como elas são abordadas. Os resultados obtidos mostraram que os fungos são abordados em disciplinas generalistas, predominantemente Microbiologia ou Botânica, nas quais ocupam uma carga horária insuficiente, restringindo-se muitas vezes aos microfungos, ou aos fungos de interesse médico, outras vezes juntamente com plantas. As aulas, em geral, envolvem poucas atividades práticas, quase sempre ocorrem exclusivamente em laboratório e são restritas aos micromicetos. O professor responsável pelo conteúdo geralmente não possui formação específica em Micologia. No segundo capítulo, foi investigado o conhecimento sobre os fungos entre os alunos concluintes desses cursos. Os resultados evidenciaram que esses concluintes possuem conhecimento aquém do que deveriam possuir, carente de aprofundamento, com imprecisões conceituais e apresentando dificuldade em desenvolver raciocínio crítico e lógico ao formular respostas. Além do mais, mostraram uma visão antropocêntrica, na qual os fungos estão a serviço da espécie humana, com pouca atenção às suas interações e seu papel ecológico Essas fragilidades dificultam ou até mesmo inviabilizam uma formação científica eficiente e cerceada pela qualidade em relação à educação científica. O último componente da dissertação consiste na apresentação do Produto Educacional, que foi desenvolvido em função dos resultados anteriores e se constitui de um blog educativo como material de apoio atualizado e atrativo para fomentar a prática docente, tanto dos professores formadores, quanto dos professores em formação, na abordagem sobre os fungos.
Abstract: This work was based on the observation, through personal experiences in Basic Education, of the difficulties of teachers in teaching and of students in understanding the subjects related to Mycology, as well as my anguish, shared by colleagues from the same area of formation, about the superficial form with which the fungi were approached in our graduations. In view of this, the research brought the following research problem: How is the content of Mycology being approached in the Bachelor's Degree in Biological Sciences? The dissertation was organized in chapters: in the first one were identified the Institutions of Higher Education that offer the Course of Biological Sciences, modality licenciatura, in the state of Goiás, their respective curricular matrices, menus of the disciplines that approach the content of Mycology and, the profile of the teachers who teach these subjects and how they are addressed. The results showed that fungi are approached in generalist disciplines, predominantly Microbiology or Botany, in which they occupy an insufficient working load, often being restricted to microfungi, or fungi of medical interest, sometimes with plants. Classes usually involve few practical activities, almost always occur exclusively in the laboratory and are restricted to micromycetes. The teacher responsible for the content usually has no specific training in Mycology. In the second chapter, the knowledge about the fungi among the graduating students of these courses was investigated. The results showed that these students have less knowledge than they should have, lacking in depth, with conceptual inaccuracies and presenting difficulties in developing critical and logical reasoning in formulating answers. Moreover, they showed an anthropocentric view, in which fungi are at the service of the human species, with little attention to their interactions and their ecological role. These fragilities hinder or even render unviable an efficient and quality-restricted scientific education in relation to scientific education. The last component of the dissertation consists of the presentation of the Educational Product, which was developed in function of the previous results and constitutes an educational blog as an updated and attractive support material to foster the teaching practice of both teacher trainers and teachers in formation , in the approach on fungi.
Palavras-chave: Fungos
Ensino Superior
Conhecimento micológico
Formação de Professores de Ciências
Formação de Professores de biologia
Matriz curricular
Fungi
Higher education
Mycological knowledge
Teacher Training in Science and Biology
Curriculum
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS
CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu Mestrado Profissional em Ensino de Ciências (PPEC)
Citação: PERSJIN, Alyne Lopes Gomes. A micologia na formação de professores : uma análise das licenciaturas em ciências biológicas no Estado de Goiás. 2017. 120 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Ciências ) Câmpus Central - Sede: Anápolis - CET, Universidade Estadual de Goiás, Anápolis-GO.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/484
Data de defesa: 19-Dec-2017
Appears in Collections:Mestrado Profissional em Ensino de Ciências

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alyne_Persijn__Produto.pdfProduto Técnico-Tecnológico (PTT)1,17 MBAdobe PDFDownload/Open Preview
Dissertao_Alyne_Lopes_Gomes_Persijn.pdfDissertação_Mestrado_Profissional_em_Ensino_de_Ciências2,76 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.