???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/319
Tipo do documento: Dissertação
Título: Fungos gelatinosos: aspectos taxonômicos e biogeográficos
Autor: Alvarenga, Renato Lúcio Mendes 
Primeiro orientador: Santos, Solange Xavier dos
Resumo: Os fungos tradicionalmente conhecidos como gelatinosos constituem um grupo polifilético, assim denominados devido à consistência cartilaginosa ou gelatinosa do basidioma, classificados nas ordens Auriculariales, Dacrymycetales, Sebacinales e Tremellales, e nas classes Agaricomycetes, Dacrymycetes e Tremellomycetes. Microscopicamente, são caracterizados pela presença de basídios fragmentados ou bifurcados e esporos sem ornamentação. Este trabalho teve por objetivo estudar aspectos taxonômicos e biogeográficos de fungos gelatinosos, incluindo diagnosticar o conhecimento do grupo no país e promover a expansão desse conhecimento, através da revisão da literatura e dos acervos dos herbários, do inventário taxonômico em áreas do Cerrado, bem como da modelagem da distribuição geográfica potencial (passado, presente e futuro) de espécies do gênero Auricularia no mundo. A checklist da literatura publicada até o ano de 2014 listou 88 espécies de fungos gelatinosos com ocorrência para o Brasil, distribuídas em quatro ordens (Auriculariales, Dacrymycetales, Sebacinales e Tremellales), com maior número de representes nos estados do Rio Grande do Sul, São Paulo e Paraná, sendo as regiões Centro-Oeste e Nordeste as que apresentavam menos registros de ocorrências, seis e oito, respectivamente. O inventário taxômico em áreas de Cerrado possibilitou a expansão do conhecimento da distribuição geográfica das espécies: Dacrymyces chrysospermus, Dacryopinax elegans, D. maxidorii, D. spathularia, Ductifera sucina, Exidia glandulosa Tremella foliacea e T. fuciformis para o Cerrado e para a região Centro-Oeste, de Auricularia delicata, A. fuscosuccinea, A. mesenterica e Calocera cornea para o estado de Goiás e A. delicata para o Distrito Federal. A revisão das coleções de fungos gelatinosos depositados nos herbários FLOR, INPA e MPUC adicionou três novas ocorrências de espécies para o Brasil: Calocera coralloide coletada em Roraima, Dacrymyces microsporus no Pará e Rondônia e D. lacrymalis no Amazonas, e expandiu o conhecimento da distribuição geográfica de Auricularia delicata para os estados do Acre e Roraima; A. mesenterica e A. nigricans para a Paraíba; Calocera arborea para Roraima e Rondônia; Dacryopinax elegans para Roraima e Santa Catarina; D. spathularia para o Pará e Santa Catarina; Tremella compacta T. foliacea, e T. fuciformis para o Amazonas; e Tremella basiliensis, T. dysentrica e T. mesenterica para Santa Catarina. Os mapas de distribuição geográfica potencial evidenciaram a espécie Auricularia auricula-judae como predominantemente de regiões temperadas, enquanto as demais com ampla distribuição em regiões tropicais. Nos modelos de nicho ecológico, foi observado o direcionamento das espécies do gênero para as áreas de regiões temperadas e áreas litorâneas tropicais. Utilizando ainda as variáveis ambientais foram observadas relações de co-ocorrência de um grupo de espécies filogeneticamente próximas. As áreas climaticamente estáveis reconhecidas para A. auricula-judae estão localizadas em regiões temperadas no norte da América do Norte, sul da América do Sul, sul Europeu e sudeste Asiático e para as demais espécies, regiões tropicais e/ou temperadas no hemisfério Sul. O trabalho apresenta ainda ilustrações, chave de identificação, ficha de identificação, descrições, mapas de distribuição geográfica e modelos de nicho ecológico, que constituem importantes subsídios e incentivos para o reconhecimento de espécies e novos estudos abordando os fungos gelatinosos. Palavras-chaves: Brasil Central, Basidiomycota, Cerrado, Novas Ocorrências, Revisão de Herbário, Modelagem de nicho.
Abstract: The fungi traditionally known as jelly form a polyphyletic group, so named because of the cartilaginous or gelatinous consistency of basidioma, are classified in orders Auriculariales, Dacrymycetales, Sebacinales and Tremellales, in the classes Agaricomycetes, Dacrymycetes and Tremellomycetes. Microscopically, they are characterized by the presence of fragmented or forked basidia and spores without ornamentation. This work aimed to study taxonomic and biogeographic aspects of jelly fungi, including diagnose the knowledge of the group in the country and promote the expansion of this knowledge by reviewing the literature and collections of herbaria, the taxonomic survey on the Brazilian Savannah areas as well as modeling of potential geographic distribution (past, present and future) of the species the genus Auricularia in the world. A checklist of published literature by the year 2014 listed 88 species of jelly fungi occurring in Brazil, distributed in four orders (Auriculariales, Dacrymycetales, Sebacinales and Tremellales), with the highest number of representatives in the states of Rio Grande do Sul, São Paulo and Paraná, and the Midwest and Northeast those had less occurrences records, six and eight, respectively. The taxonomic survey on the Brazilian Savannah areas has enabled the expansion of the geographic distribution of species: Dacrymyces chrysospermus, Dacryopinax elegans, D. maxidorii, D. spathularia, Ductifera sucina, Exidia glandulosa, Tremella foliacea and T. fuciformis for the Cerrado and the Midwest region, Auricularia delicata, A. fuscosuccinea, A. mesenterica and Calocera cornea to the state of Goias, and A. delicata for the Federal District. The review of jelly fungi collections deposited in herbaria FLOR, INPA and MPUC added three new occurrences of species for Brazil: Calocera coralloide collected in Roraima, Dacrymyces microsporus in Pará and Rondônia and D. lacrymalis in Amazonas, and expanded geographical distribution Auricularia delicata for the states of Acre and Roraima; A. mesenterica and A. nigricans for Paraíba; Calocera arborea to Roraima and Rondônia; Dacryopinax elegans to Roraima and Santa Catarina; D. spathularia to Pará and Santa Catarina; Tremella compacta, T. foliacea, and T. fuciformis to the Amazonas; and Tremella basiliensis, T. dysenterica and T. mesenterica to Santa Catarina. The potential geographic distribution maps show the specie Auricularia auricula-judae as predominantly the temperate regions, while other widely distributed in tropical regions. In the ecological niche models was observed the targeting of the species the genus for the areas of temperate regions and tropical coastal areas. Still using the environmental variables of the co-occurrence relationships was observed for a group of phylogenetically related species. The climatically stable areas known to A. auricula-judae are located in temperate regions in northern North America, southern South America, southern Europe and Southeast Asia and for the other species, tropical and/or temperate regions in the Southern Hemisphere. The work also presents illustrations, identification key, identification card, descriptions, geographical distribution maps and ecological niche models, which are major subsidies and incentives for the recognition of species and further studies addressing the jelly fungi.
Palavras-chave: Brasil Centra
Basidiomycota
Cerrado
Novas ocorrências
Revisão de herbário
Modelagem de nicho
Central Brazil
Basidiomycota
Cerrado
New occurrences
Herbarium review
Tremellales
Niche Modeling
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Estadual de Goiás
Sigla da instituição: UEG
Departamento: UEG ::Coordenação de Mestrado em Recursos Naturais
Programa: Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Recursos Naturais do Cerrado RENAC
Citação: ALVARENGA, Renato Lúcio Mendes. Fungos gelatinosos: aspectos taxonômicos e biogeográficos. 2016. 153 f. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Cerrado) - Câmpus Central - Sede: Anápolis - CET, Universidade Estadual de Goiás, Anápolis.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.bdtd.ueg.br/handle/tede/319
Data de defesa: 19-Feb-2016
Appears in Collections:Mestrado em Recursos Naturais do Cerrado (RENAC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Renato_Alvarenga.pdf5,9 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.